Alberto Pires, o homem que sonhava criar o Lisbon Bar Show

Lisbon Bar Show

Lisbon Bar Show © Lisbon Bar Show

18 de maio é uma data especial para Alberto Pires. Nesse dia, há já 12 anos, nasceu oficialmente a sua empresa: a “Mojito Bar Catering”. A 18 de maio, sete anos depois, pôs em marcha a primeira edição do Lisbon Bar Show: um projeto com o qual tinha fantasiado durante muito tempo, hoje convertido na maior feira de coquetelaria e bebidas espirituosas de Portugal – e o único evento deste género destinado principalmente a profissionais do setor.

Aquilo que Alberto não sabia é que o destino ainda tinha outra curiosa volta preparada, pois 18 de maio era também uma data muito particular para a pessoa que se converteria no seu maior apoio para levar a cabo este projeto: Emanuel Minez, cuja trajetória empresarial começou naquele preciso 18 de maio, faz agora 12 anos, com a inauguração do “Cais da Praia”, sendo atualmente proprietário do famoso “Red Frog” (Lisboa), considerado como um dos melhores bares do mundo.

Como profissional do mundo das bebidas espirituosas, Alberto Pires percorreu durante toda a sua trajetória as principais feiras do setor em todo o mundo: Londres, Berlim, Madrid, Atenas… Há já muito tempo que tinha a ideia de lançar um evento deste tipo, mas foi em 2013 que se apercebeu que em Portugal existiam somente feiras de bebidas e de coquetelaria destinadas ao público final. Desde aquele momento, não conseguiu tirar da cabeça o pensamento de criar um evento deste tipo especificamente para baristas e coqueteleiros em Portugal.

Alberto Pires. Lisbon Bar Show

Alberto Pires © Lisbon Bar Show

Não demorou muito a pôr mãos à obra. Elaborou um calendário de feiras de destilados e coquetéis mundiais, e achou que maio, mesmo antes da temporada de verão, seria o momento ideal para lançar o evento. A primeira edição foi celebrada a 18 de maio de 2014. Cinco anos depois, o Lisbon Bar Show converteu-se, não só no maior evento de bebidas e coqueteleria de Portugal, como também num dos maiores e mais reconhecidos do mundo. «Aquilo de que mais me orgulho é que, desde a primeira edição, o LBS foi uma feira de nível internacional. Celebra-se em Lisboa, mas poderia perfeitamente estar em grandes cidades como Londres ou Nova Iorque», explica o criador do evento.

O Lisbon Bar Show nasceu com o objetivo de mostrar ao público português as tendências internacionais do setor e destacar a qualidade das bebidas, das marcas e dos profissionais portugueses. A edição passada juntou mais de 6.000 visitantes e cerca de 120 expositores, demonstrando ser uma excelente plataforma para partilhar conhecimento e trazendo para Portugal os nomes mais reconhecidos do setor. Ano após ano, o encontro oferece a oportunidade aos profissionais de se formarem, de se inspirarem e de aprenderem novas técnicas e tendências pela mão dos melhores. O Lisbon Bar Show constitui uma oportunidade única para conhecer especialistas, marcas, operadores ou simplesmente amantes do mundo da coquetelaria e das bebidas destiladas. Em 2019, o Lisbon Bar Show terá lugar a 14 e 15 de maio, no famoso Convento do Beato pelo terceiro ano consecutivo.

O encontro oferece aos profissionais a oportunidade de se formarem, de se inspirarem e de aprenderem novas técnicas e tendências pela mão dos melhores

Por outro lado, o evento também pretende destacar as excelentes qualidades do produto nacional e reconhecer o imenso valor dos profissionais portugueses. Durante dois dias, os visitantes podem assistir a ateliers e seminários de vanguarda. Na passada edição, o Lisbon Bar Show reuniu profissionais do nível de Simone Caporale, barman internacional do ano 2014; Erik Lorincz, headbartender do “Savoy” (o número 1 da lista dos 50 melhores bares do mundo); Philip Duff, diretor de educação do “Tales of the Cocktail”, Carla Soares, do “Atlas Bar” em Singapura (considerado pela World’s 50 Best Bars como um dos melhores bares do mundo), e Marc Álvarez, um dos nomes mais reconhecidos em mixologia molecular em Espanha – entre muitos outros.

Workshop de coquetel. Lisbon Bar Show

Workshop de coquetel © Lisbon Bar Show

Também participaram algumas das maiores referências da gastronomia portuguesa, como os chefs Alexandre Silva, proprietário do “Loco” – o restaurante que abriu em 2016 e ganhou uma estrela Michelin no mesmo ano – e Leonel Pereira, do reconhecido restaurante “São Gabriel”, também possuidor de uma estrela Michelin.

Alberto Pires assegura que, desde o momento em que finalizou o Lisbon Bar Show 2018, a organização começou a trabalhar na próxima edição. «O nosso compromisso para 2019 baseia-se no facto de continuar a melhorar  todos os aspetos do evento. O foco vai continuar a ser os profissionais de bar, por isso a feira tem lugar à semana e dentro do horário de expediente, embora qualquer pessoa que ame o mundo das bebidas destiladas e da coquetelaria seja bem-vinda ao Lisbon Bar Show», explica.

Para voltar a surpreender os visitantes na próxima edição do Lisbon Bar Show, Alberto e a sua equipa percorrem meio mundo durante todo o ano a visitar feiras de coquetelaria e de bebidas destiladas. Dessa forma, ampliam a sua rede de contactos e convidam para o LBS os nomes mais importantes do setor. Cada ano, a feira conta com um “país convidado”: na edição anterior foi Espanha e nas de 2017 e 2016, a Itália e o México, respetivamente, embora Alberto ainda não nos possa revelar qual será o país protagonista do Lisbon Bar Show 2019. Além disso, o evento voltará a apoiar e a ser a “montra” da alta cozinha portuguesa, convidando alguns dos melhores chefs do país.

Um dado curioso é que o Lisbon Bar Show ostenta o recorde do Guinness da “maior degustação de vinho do Porto do mundo”, que reuniu 293 pessoas numa degustação de quatro tipos de vinho provenientes desta denominação de origem. Tendo em conta o caráter empreendedor do alma mater da feira, não há a menor dúvida de que este é apenas o primeiro de muitos outros recordes que o LBS obterá.

A maior prova comentada de vinho do Porto. Lisbon Bar Show

Recorde do Guinness da “maior degustação de vinho do Porto do mundo” © Lisbon Bar Show